Redenção (2017)

Inspirada no filme Wings of Desire de Wim Wenders, Redenção representa a selecção de uma sequência de retratos realizados a partir do mesmo tema, utilizando a mesma base (metáfora da representação de um anjo) em diferentes estados emocionais: inocência, interrogação, negação e aceitação.

A ideia destes estados emocionais partiu da frase do filme “A criança, quando criança, não sabia que era criança. Tudo para ela tinha alma. Todas as almas eram uma só”.

A composição apresentada pretende representar os quatro estados, até alcançar o último “Agora eu sei, o que nenhum anjo sabe”.

Fotografias estereoscópicas em anáglifo. Visualização 3D, com óculos de filtro vermelho e cyan